Queda de cabelo: a queixa

Queda de cabelo deixa qualquer pessoa apreensiva. O cabelo tem papel fundamental na auto estima dos indivíduos.

Devido a queixa freqüente de perda capilar no consultório e a oportunidade do estudo de uma nova droga para o mesmo iniciei minha especialização nessa área. Há cerca de 10 anos venho me dedicando a esta sub-especialidade na área de doenças do cabelo. Em 1995, fiz estágio com uma das especialistas mais renomadas nesta área – Dra. Vera Price, professora de dermatologia da Universidade da Califórnia em São Francisco.

Nesta ocasião, acompanhei seu trabalho diário no atendimento de pacientes, assim como seus protocolos e pesquisas específicas para melhorar os tratamentos para o cabelo.

Em 1993, tive oportunidade de ser a coordenadora do estudo da droga “finasterida” no Brasil. Este estudo multicéntrico, incluiu mais de 10 países e foram envolvidos vários especialistas do mundo todo. Durante este período, foram incontáveis as reuniões de especialização em exame do fio, treinamento e aperfeiçoamento do diagnóstico clínico e conhecimento de alternativas variadas para a terapêutica do cabelo.

Durante todo estes anos organizei e coordenei vários simpósios, cursos, workshop, específicos para médicos com afinidade da área capilar. Outro dado importante refere-se a atenção que deve ser dada ao estado emocional dos pacientes com queda de cabelo.

É muito freqüente a perda da auto-estima e desenvolvimento de depressão associada as desordens capilares. As mulheres choram e não conseguem pensar em outra coisa, os jovens escondem o cabelo com bonés e os homens adultos pensam no transplante capilar.

A clínica, além de todo arsenal para exame do cabelo e couro cabeludo, dermatoscopia, microscópio, lâmpada de wood, possui também uma parceria com profissionais ligados a estresse para dar apoio aos problemas psicológicos.

Hoje há se conhece muito mais sobre cabelo e as causas da queda. Além disso, se aprofundaram os estudos sobre ferritina, tiróide, anemia e doenças auto imunes, que estão envolvidos com queda de cabelo.

Todos são importantes e únicos.

A dona Bruna que tem vitiligo e alopecia areata e ficou totalmente calva, a mãe e a filha (estudante de medicina) que tem calvície e também Joana Prado que um certo momento desesperou ao ver os cabelos fracos e finos.

Hoje, graças a dedicação, muito estudo e amor ao paciente e sua causa conseguimos melhorar a queda de cabelo e mais importante a auto estima dó seu portador.

Leia mais

Filtro solar e cabelos
Queda de cabelo - o que é normal?

Pesquisar

Entre em contato

Preencha o formulário abaixo e em breve entraremos em contato para oferecer mais informações:


Clínica Denise Steiner. Dermatologia | 2017. Todos os direitos reservados
Desenvolvido por &