E AS UNHAS? COMO ESTÃO?

Publicado por denisesteiner em

As unhas são estruturas importantes tanto para proteção, mas também como marcadores de doenças internas. Elas são formadas a partir da matriz ungueal que fica logo abaixo da cutícula na porção central da unha.

As unhas saudáveis são transparentes, ligeiramente rosadas, solidas, resistentes, porém flexíveis. Elas crescem cerca de 3mm por mês nas mãos e por volta de 1mm por mês nas unhas dos pés.

Muitas doenças sistêmicas têm repercussão nas unhas como por exemplo: doenças da tiroide que deixam as unhas finas, fracas e com sulcos longitudinais, além de projeções que lembram gotas de chuva no hipertireoidismo. A unha nas hepatopatias pode apresentar duas cores. E interessante notar que em doenças mais graves e consumptivas, a unha apresenta sulcos transversais que indicam interrupção periódica do crescimento.

A unha também pode ser comprometida em doenças de pele como psoríase e líquen plano. No primeiro caso a unha muda de cor, solta do leito (onicólise) e fica com alterações na superfície e descamação. Muitas vezes a unha acometida pela psoríase pode ser confundida com onicomicose.  Outra doença de pele que ataca as unhas é a líquen plano deixando a mesma achatada e distrófica.

A onicomicose é uma alteração muito frequente onde fungos comprometem a mesma causando mudança de cor espessamento e deposito de material abaixo da unha. A micose de unha e difícil de tratar em geral, necessitamos usar remédios via oral por vários meses seguidos.

Outra alteração frequente é a chamada fragilidade ungueal quando ela não cresce, quebra e fica descamativa. Isso ocorre por ressecamento, traumas locais e devido ao uso excessivo de produtos químicos. As mulheres principalmente pós menopausa ficam com as unhas secas e frágeis, pois produzem menos lipídeos que ajudam na hidratação.

A unha precisa ser protegida dos traumas e da química. Usar luvas para trabalhos caseiros com detergentes e afins é importante para melhorar a qualidade ungueal. Devem ser usados cremes para hidratação, além de endurecedores e protetores de leito ungueal. Cortar adequadamente a unha é importante para evitar o encravamento. Não cutucar os cantos, corta-las retas e lixar no mesmo sentido deixa as unhas mais saudáveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

Clínica Denise Steiner. Dermatologia | 2017. Todos os direitos reservados
Desenvolvido por &